Nossas mulheres, nossas conselheiras, nossas aliadas na luta pela valorização da estatística no Brasil

No Brasil, as mulheres são maioria da população, ocupam a maior fatia entre os alfabetizados no país e ocupam cada vez mais espaço no mercado de trabalho. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio 2016, divulgada pelo IBGE. Na Estatística, também mostram sua força e competência.

florence_bannerNa história, é preciso lembrar de Florence Nightingale, uma enfermeira inglesa que atuava no auxílio a soldados durante a Guerra da Crimeia. O conflito entre a Rússia e uma coligação entre Inglaterra, França e Império Otomano aconteceu entre 1853 e 1856.

Durante este período, Florence percebeu que a maioria dos soldados não morriam em combate, mas nos leitos dos hospitais – eram 10 vezes mais mortes causadas por tifo, cólera e disenteria do que por ferimentos de batalha.

A partir dessa percepção, a enfermeira resolveu usar estatísticas para traçar um retrato da situação. Seus gráficos foram tão criativos que passaram a ser um marco do desenvolvimento da Estatística. Foi a primeira vez que fatalidades militares eram exibidas com números. A partir daí, o governo inglês modificou as condições sanitárias dos hospitais militares. Como resultado, as decisões baseadas em dados proporcionaram a redução de mortes dos soldados de 42% para 2,2%.

Em oito de março é comemorado o Dia Internacional da Mulher. Para lembrar a data, homenageamos o grupo de conselheiras que compõem o CONRE-3. São profissionais ativas no mercado de trabalho, em diversos ramos, com experiências e formações variadas. Entre as atuações, estão os projetos de divulgação, valorização e fortalecimento da ESTATÍSTICA no Brasil.

 

Adriana Silva 

Adriana Silva é graduada em Estatística pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) e Mestra em Ciências: Estatística e Experimentação Agronômica pela Universidade de São Paulo (ESALQ/USP). Atualmente, é Jedi em Analytics na ASN.Rocks, além de professora em algumas turmas de pós-graduação dos cursos de Analytics da ESALQ/USP. Também coordena o Projeto Data Revolution, que leva capacitação a alunos de Estatística de todo o país. Já atuou na Oracle, foi gerente analítica na unidade de negócio ABD (Abril Big Data na Editora Abril), Head de Analytics no SAS e Diretora de Analytics na Kantar Millward Brown, sempre focada em análise de dados utilizando a estatística para as soluções de problemas. Conhecida por suas aulas e apresentações sempre divertidas e esclarecedoras, a experiente cientista de dados ajuda empresas e pessoas que desejam ensinamentos práticos, com foco na realidade do mercado de trabalho. Adriana também foi presidente do CONRE-3. No tempo que passou pelo conselho, promoveu diversos programas de capacitação

 

Camila Bertini Martins

Bacharel e Mestre em Estatística, ambos pela Universidade Federal de São Carlos e Doutora em Ciências, Área Estatística, pelo Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo (IME/USP). Atualmente é professora no Departamento de Medicina Preventiva, Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo, Campus São Paulo. É professora-orientadora do Programa de Mestrado Profissional Interdisciplinar em Inovação Tecnológica (PIT) do Instituto de Ciência e Tecnologia da Universidade Federal de São Paulo, ICT-UNIFESP. Tem experiência na área de Estatística Aplicada, atuando nos temas de Bioestatística, Metanálise, Interfaces gráficas e aplicativos digitais envolvendo metodologias estatísticas. Foi eleita em 2021 para sua primeira participação como conselheira do CONRE-3.

 

Cristiane Teles

Formada em Estatística pela Unesp, possui MBA em data Science e analytics pela ESALQ/USP. Tem experiência em desenvolvimento, implantação e monitoramento de modelos estatísticos de credit score, collections score, modelos de churn e propensão a compras no segmento B2C/B2B. Atua com programação SAS/SQL/Teradata na Vivo (Telefonica Brasil) como consultora de big data. Acredita que compartilhar conhecimento é algo importante e necessário para fortalecer a carreira

 

Doris Satie Maruyama Fontes

É formada pela Universidade de São Paulo (IME-USP). Atuou como Fundraising Department Assistent em uma entidade filantrópica em Nova York (1988-1992), cujo objetivo era ajudar alunos estrangeiros e novos imigrantes. De volta ao Brasil, dedicou-se a trabalhos estatísticos diversos até 2015. Em 2016, passou a atuar também na COOPEREST (Cooperativa Paulista de Serviços Estatísticos e Similares), com sede em São Paulo

Em 2004 foi nomeada pelo CONFE (Conselho Federal de Estatística) Coordenadora Geral do CONRE-3 (Conselho Regional de Estatística da 3ª Região – SP/PR/MT/MS) até 2010, ano em que foi eleita Presidente pelos seus estatísticos registrados. Foi a única mulher presidente no sistema CONFE/CONRE. Desde então, Dóris tem atuado no fortalecimento da área da estatística, por meio da participação em eventos acadêmicos e/ou educativos para pesquisadores, profissionais e estudantes de todo o Brasil. Por todo o país movimenta professores e alunos com a “Tenda Estatística” e sua programação dirigida à interação com a comunidade em brincadeiras que ensinam noções básicas de estatística.

Um trabalho que tem rendido frutos. Dados do Censo do INEP/MEC, de 2014, revelam que a relação C/V (Nº de Candidatos / Vaga) aumentou de 7,6 para 9,2 e tem subido gradativamente desde 2010. Apesar de comemorarmos um aumento na procura, o índice de evasão do Bacharelado em Estatística ainda é muito preocupante, resultando em números baixo de formandos (hoje, menos de 500 formandos por ano no Brasil). Possui registro no CONRE-3 desde dezembro de 1984.

 

Fernanda Cardoso Rosa Gonçalves 

Graduada em Matemática com Informática (FSA) e em Estatística (Unicapital). É especialista em Estatística para Marketing (FGV), Gestão de Marketing de Serviços (FAAP) e Gestão de Pequenos Negócios (FGV). Possui também um MBA in Business Analytics-Big Data (FGV). Atuou no Sebrae-SP, maior organização brasileira de serviços de apoio, consultoria e educação em gestão de negócios, na área de Inteligência de Mercado, especificamente atividades de CRM e bases de dados. Tem experiência em atividades relacionadas com banco de dados nas áreas de saúde pública, seguros, previdência privada, cartões de crédito, pesquisas e costumer relationship management (CRM). Também trabalhou na VIVO na área de Real Time Analitycs B2B & B2C na Diretoria de Big Data desenvolvendo modelos estatísticos que subsidiam ações para alavancar o faturamento da empresa.

Em sua trajetória, Fernanda acumula quatro pós-graduações: Estatística para Marketing (FGV), Gestão de Marketing de Serviços (FAAP), Gestão de Pequenos Negócios (FGV) e MBA in Business Analytics-Big Data (FGV)

Foi eleita em 2017 Conselheira Suplente através de eleição dos estatísticos cadastrados no CONRE-3. Sempre apoiando o grupo nas campanhas de fortalecimento da profissão, sua atuação é baseada fortemente nas campanhas de fortalecimento, valorização e divulgação da carreira, por meio da participação em eventos acadêmicos e/ou educativos para pesquisadores, profissionais e estudantes de todo o Brasil. Participa das seguintes comissões: CEA – Comissão de Ensino e Aperfeiçoamento e CCT – Comissão de Comunicação e Tecnologia. Reeleita Conselheira Efetiva para a gestão de 2020-2022 e  eleita Presidente do CONRE-3 para gestão 2023.

A história de Fernanda também está em: https://www.conre3.org.br/portal/homenagem-como-a-estatistica-transformou-a-minha-vida/

 

Ines Nobuko Nishimoto

Possui graduação em Estatística pela Universidade Estadual de Campinas, mestrado em Oncologia pela Fundação Antônio Prudente (2000) e doutorado em Oncologia pela Fundação Antônio Prudente (2003). Foi estatístico do Hospital A C Camargo – Fundação Antonio Prudente. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Bioestatística e Epidemiologia do Câncer, atuando principalmente nos seguintes temas: epidemiologia, fatores de risco, câncer de cabeça e pescoço, uadt cancer e fator prognóstico.

Está registrada no CONRE-3 desde Fevereiro de 1981 e é nossa conselheira há alguns anos. Tem nos representado em diversos eventos acadêmicos, como Aulas Inaugurais e Colação de Grau, além de eventos estatísticos nas universidades brasileiras. Em 2020 assumiu a tesouraria. Foi eleita pela primeira vez em 2013, como Conselheira Efetiva (gestão 2014-2016) e reeleita como Efetiva para as gestões de 2017-2019, 2020-2022, 2023-2025.

 

Eleição-Conselho-Nathália-DemetrioNathalia Demetrio Vasconcelos Moura

Background em Estatística (mestrado pela USP e bacharelado pela UFPE), Cientista de Dados no Itaú-Unibanco, Professora Assistente na Pós-Graduação em Data Science e Decisão do Insper e coorganizadora do capítulo de São Paulo das R-Ladies.  Gosta de discussões colaborativas, soluções criativas/quantitativas para problemas aplicados e do aprendizado/compartilhamento que ocorre durante o processo. Entusiasta da área de dados, de storytelling à deep learning, de programação em R à agile, acredita que a área tem uma natureza de eterno aprendizado, tornando crucial pontos como: lugar de escuta, leituras de livros/blogs e times multidisciplinares – e em qualquer um dos casos, sempre acompanhado de um bom café!

Como Conselheira Efetiva, desde 2018, tem contribuído para que o CONRE-3 siga cumprindo seus objetivos, em especial a divulgação e importância da Estatística para a sociedade e as discussões sobre o mercado dentro da nossa comunidade, visando ao fortalecimento da profissão. Em 2020 assumiu a vice-presidência, sendo reeleita para o mesmo cargo em 2021 e 2022.

 

Regina Albanese Pose

Estatístico pela Unicapital. Licenciada em Matemática pela Fundação Santo André. Psicopedagoga Clínica e Institucional pela Faculdade São Marcos. Especialista e Mestre em Ciências da Saúde pela FMUSP, Poluição do Ar e Saúde Humana. Doutoranda em Administração pela USCS (Inovação). Estagiou no Núcleo de Avaliação da Secretaria de Educação de São Paulo, atuou como professora da Educação Básica e como psicopedagoga institucional (voluntária) em escolas da Rede Pública Estadual. Trabalhou com Pesquisa/Projetos em Cursos Superiores; e como Cientista de dados/Analista de Projetos/Coordenador de Projetos em educação e saúde (avaliações de conhecimento e/ou surveys) pela FMUSP.  Atualmente, é psicopedagoga clínica, professora concursada titular e gestora do curso de graduação em Estatística e Ciência de Dados na USCS (Universidade de São Caetano do Sul).

É registrada no CONRE-3 desde Novembro de 2014. Tem nos auxiliado em eventos de Educação e trabalha na elaboração de jogos e atividades. Exerce o cargo de Conselheira Suplente desde 2016.

 

Sirlei Siani Morais

Possui graduação em Estatística, mestrado, doutorado e pós-doutorado em Ciências Biomédicas, todas pela Universidade Estadual de Campinas. Foi professora de bioestatística na Faculdade de Medicina de Jundiaí, atuando em disciplinas da graduação e pós-graduação, bem como na análise de dados epidemiológicos da área de medicina. Atuou 10 anos no delineamento e análise de dados no Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher -CAISM -UNICAMP. Membro do grupo de pesquisas clínicas SAHAS (Saúde Reprodutiva e Hábitos Saudáveis – do departamento de tocoginecologia da UNICAMP. Foi eleita em 2021 para sua primeira participação como conselheira do CONRE-3 para ser um elo entre profissionais de estatística e pesquisadores de grande respeito e seriedade no que diz respeito à pesquisa clínica e epidemiológica.

 

Tamara Mármore

Possui graduação em Estatística pela Unesp – Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – Presidente Prudente. Atualmente é professora autônoma. Foi eleita em 2021 para sua primeira participação como conselheira do CONRE-3. Como conselheira, pretende atender as demandas dos profissionais e empresas de Estatística regulamentados no CONRE-3; defender os direitos da classe diante toda e qualquer necessidade; contribuir para a modernização do sistema CONFE/CONRE em ações voltadas à atualização dos profissionais de acordo com a realidade do mercado de trabalho; fomentar a comunicação, união e intercâmbio entre os estatísticos da 3ª Região e, posteriormente, além; e compreender os motivos que afetam fortemente a permanência estudantil dos futuros estatísticos.

 

Estatística com toque feminino

O CONRE-3 oferece uma página em seu website dedicado a importantes mulheres que contribuem para o crescimento da Estatística no país.

Para conhecer, acesse: https://www.conre3.org.br/portal/mulheres-na-estatistica/